Banner

Curadoria | Guerra e Paz, de Portinari [estudos]

interna-candido-portinari

A exposição Guerra e Paz, Portinati [estudos] é uma realização do Projeto Portinari, que tem como fundador e diretor-geral João Candido Portinari.

João Candido Portinari é Ph.D. pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Antes de ingressar no MIT, cursou Matemática no Lycée Louis-Le-Grand e a École Nationale Supérieure des Télécommunications, em Paris, onde se formou como Engenheiro de Telecomunicações.

A convite da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), regressou ao Brasil em 1966, após dez anos no exterior, com a missão inicial de ajudar a fundar o Departamento de Matemática da PUC-Rio. Em janeiro de 1967, passa a integrar o quadro docente do IMUC, como professor em tempo integral e dedicação exclusiva. Foi, assim, um dos fundadores do Departamento de Matemática da PUC-Rio, assumindo sua chefia no ano seguinte (1968).

Em 1979, após 13 anos de atividades de pesquisa, ensino e administração, João Candido Portinari concebeu e implantou o Projeto Portinari, trabalho universitário de equipe multidisciplinar, empenhado no levantamento, catalogação, pesquisa e disponibilização de um vasto acervo documental sobre a obra, vida e época do  pintor Candido Portinari (1903-62).

É tambem presidente da Associação Cultural Candido Portinari, sucedendo ao seu primeiro presidente, o professor  Afonso Arinos de Mello Franco.




2004 | Recebe o Prêmio CLIO de História, outorgado pela Academia Paulistana da História, pelo catálogo Raisonné de Candido Portinari.
2005 | Recebe o Prêmio Sérgio Milliet, outorgado pela Associação Brasileira de Críticos de Arte, pelo catálogo Raisonné de Candido  Portinari;
Projeto Portinari recebe o Prêmio Jabuti, pelo catálogo Raisonné de Candido Portinari;
Projeto Portinari recebe o Prêmio Rodrigo Mello Franco de Andrade, outorgado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional — IPHAN, pelo catálogo Raisonné de  Candido Portinari.
2008 | Agraciado pela Presidência da República com a Ordem do Mérito Cultural, na categoria de Comendador.
2010 | Agraciado pela Escola Superior de Guerra com a Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias;
Admitido pelo Conselho da Ordem do Mérito da Defesa, do Ministério da Defesa, no Grau de Oficial do Quadro Suplementar;
Outorgada, pela União Brasileira de Escritores, a medalha Antonio Olinto, “por relevantes serviços prestados à Cultura Brasileira”.
2012 | Eleito "Personalidade do Ano" pela Associação Brasileira de Críticos de Arte - ABCA;
Projeto Portinari recebe o Prêmio ABERJE 2012 São Paulo.

 
Banner
Banner

Banner